Iniciativa “ECB Youth Dialogue”

Sabemos que as decisões que tomamos também podem ter impacto no teu dia a dia. É por essa razão que queremos assegurar que não ouves apenas falar de nós ou sobre nós, mas também podes dirigir-te a nós diretamente e falar connosco.

A iniciativa “ECB Youth Dialogue” dá-te essa oportunidade. Organizamos eventos em toda a Europa – e na Internet – que te permitem entrar em contacto direto com os decisores de políticas do BCE para colocar questões e partilhar os teus pontos de vista.

Diálogo com jovens sobre temas relacionados com banca central

Diálogo entre jovens, Danièle Nouy e Sabine Lautenschläger, Frankfurt am Main, Alemanha, novembro de 2018

Os atuais e os antigos estudantes da Frankfurt School of Finance and Management tiveram a oportunidade de falar com a direção da supervisão bancária europeia sobre o trabalho realizado para manter as instituições de crédito seguras e o setor bancário europeu sólido e estável, no interesse de todos nós.

Com os seus mandatos praticamente a terminar, Danièle Nouy e Sabine Lautenschläger – respetivamente, presidente e vice‑presidente do Conselho de Supervisão – recordaram os progressos alcançados desde o estabelecimento da supervisão bancária europeia em 2014 e partilharam as suas experiências sobre o que significa desenvolver uma atividade nunca antes realizada.

Para teres uma ideia da discussão, eis alguns dos aspetos abordados.

Sobre a constituição da Supervisão Bancária do BCE

Éramos uma minúscula start-up numa potente incubadora. – Danièle Nouy

Tivemos a possibilidade de utilizar, por exemplo, os serviços de recursos humanos e de tecnologias de informação já existentes no BCE. – Sabine Lautenschläger

Sobre uma carreira na supervisão

Com uma formação sólida, facilmente se aprende o resto. Não é de todo uma carreira aborrecida – por vezes gostaria que fosse mais aborrecida! Há sempre trabalho a fazer. – Danièle Nouy

Sobre criptomoedas

Não se trata de moedas, são ativos digitais. – Sabine Lautenschläger

Funcionam de modo semelhante a um casino! – Danièle Nouy

Sobre a próxima crise

O nosso trabalho consiste em garantir que as instituições de crédito sejam resilientes, para que estejam preparadas para a próxima crise, quando quer que ela surja. – Danièle Nouy

Sobre a burocracia

Para pôr em movimento 26 autoridades e uma equipa de 3 000 colaboradores e garantir a todos igualdade de tratamento, são necessários procedimentos. No caso, não é burocracia, é uma forma de assegurar a credibilidade. – Sabine Lautenschläger

Sobre o maior desafio até à data

As instituições de crédito europeias começaram com um montante de créditos não produtivos de 1 bilião de euros. Agora esse montante é de 650 mil milhões de euros, porque definimos os instrumentos adequados. – Danièle Nouy

Sobre as sextas-feiras

Gosto mais do meu trabalho à sexta-feira! Muitos de nós reunimo-nos regularmente nesse dia da semana e é sempre muito gratificante ver o empenhamento de todos, aprender com diferentes experiências e definir, em conjunto, o futuro da supervisão bancária europeia. – Sabine Lautenschläger

Sobre o programa de estágios

O BCE proporciona estágios em supervisão a estudantes de uma grande variedade de áreas de estudo. Estejam atentos à informação disponibilizada nosso sítio Web! – Danièle Nouy

Mais informação

Ver o vídeo do evento

Fotografias

Eventos anteriores

Diálogo entre jovens e Danièle Nouy, Madrid, Espanha, maio de 2018

Danièle Nouy, presidente do Conselho de Supervisão, encontrou-se em Madrid com um grupo de jovens profissionais do setor financeiro. Estes jovens colocaram muitas questões, não só sobre a estabilidade financeira e bancária na Europa, como também sobre a ética nas finanças e a digitalização, assim como outras perguntas de caráter mais pessoal, designadamente o que a motiva a fazer o seu trabalho.

O evento, organizado em parceria com o Banco de España, constituiu uma excelente oportunidade para os jovens profissionais partilharem as suas ideias e experiências com uma decisora de políticas experiente e aprenderem uns com os outros.

Para teres uma ideia da discussão, eis alguns dos aspetos abordados.

Sobre ética

A reputação dos bancos sofreu com a crise. Como podemos reconquistar a confiança das pessoas?

A ética é crucial. Os bancos precisam de ter uma perspetiva a mais longo prazo e de agir eticamente. Vocês podem ajudar a tornar a banca mais segura e melhor.

Sobre digitalização

Estamos a trabalhar arduamente para nos adaptarmos à nova conjuntura. As autoridades de regulamentação estão a fazer o mesmo?

Sim, estamos a trabalhar tanto como vocês para nos adaptarmos. Trabalho na supervisão há 40 anos, mas todos os dias aprendo algo de novo. É por isso que gosto do meu trabalho. É um trabalho intelectualmente muito estimulante.

Sobre as fintech

Na minha perspetiva, uma das maiores ameaças para a banca europeia é a entrada de novos participantes. Qual é a sua opinião sobre as fintech?

Penso que a inovação é crucial. Haverá sempre clientes que pagarão por serviços de banca tradicional, enquanto outros, como a minha neta, utilizam o telemóvel para tudo. Há lugar para todos os tipos de banco. As entidades fintech que ofereçam serviços bancários serão supervisionadas como bancos.

Sobre fusões

Acha que deveria haver mais fusões e aquisições na Europa?

É necessário que haja menos bancos, mas o problema pode ser resolvido de várias formas. Os bancos podem ser objeto de liquidação ou de fusão. Porém, as fusões têm de ser estratégicas e resultar em bancos sustentáveis. Dois patos não geram um cisne – especialmente dois patos doentes!

Observações de Danièle Nouy sobre o encontro com os jovens profissionais

Apreciei muito o encontro com estes jovens – colocaram questões muito boas sobre vários temas. Não foram tímidos!

Observações dos jovens profissionais sobre o encontro com Danièle Nouy

Ela foi muito clara e, para mim, a experiência foi extremamente enriquecedora e positiva. Foi um encontro descontraído e natural. Senti-me muito à vontade.  Marcela Nario

Penso que foi uma forma fantástica de trocar impressões com jovens que trabalham na banca.  Federico Power Esteban

Fotografias do evento

Mais informação

Queres saber mais sobre os temas da iniciativa “ECB Youth Dialogue”? Então consulta as páginas a seguir indicadas.

Banca europeia
Estabilidade financeiraCiber-resiliência